Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

25/08/2022 16h08

Votação de projetos e manifestação de repúdio movimentam reunião da Câmara de Rio Piracicaba

Votação de projetos e manifestação de repúdio na Câmara de Rio Piracicaba

Compartilhe
A reunião ordinária da Câmara Municipal de Rio Piracicaba, dessa quarta-feira (24), foi marcada por votação de dois projetos de lei e declaração de repúdio envolvendo profissional da imprensa local. A polêmica movimenta as redes sociais e o vídeo de transmissão ao vivo da sessão registrou considerável salto em desempenho.
De autoria da Mesa Diretora do Legislativo, os parlamentares aprovaram, por unanimidade e em turno único de votação, o PL Nº 2.224 que autoriza a Câmara Municipal de Rio Piracicaba a contratar plano de saúde em benefício de seus servidores e dependentes legais e dá outras providências.
O PL Nº 2.223, de autoria do vereador Antônio de Pádua Guedes, denomina de Estrada Rural Luiz Gonzaga Caldeira a via que dá acesso à comunidade de Ponte Novinha, zona rural do município de Rio Piracicaba, também recebeu aprovação unânime em turno único de votação.
 
Repúdio
O parlamentar Juliano Mafra Gonçalves se inscreveu na Tribuna de Vereadores e manifestou repúdio à atuação do jornalista Ramon Bertolini, proprietário do jornal O Jequi e apresentador do programa do Ramon na rádio comunitária Piracicaba 87,9 FM. “Faltou respeito do jornalista para com esta Casa, acho que ninguém aqui está satisfeito e gostaria de manifestar meu repúdio. (...) Um desrespeito usar uma rádio comunitária e fazer dela um comércio”, pontuou Juliano.
 
Entenda o caso
Na reunião extraordinária de 14 de agosto, os vereadores aprovaram, por 7 x 2 votos, o PL 2.222/2022, de autoria da Mesa Diretora, que institui o gozo de férias remuneradas como direito social dos parlamentares da Câmara Municipal de Rio Piracicaba. A matéria recebeu votos contrários de Juliano Mafra e Leon Fátima de Almeida.
A votação foi alvo de crítica do jornalista que em seu programa na rádio comunitária classificou de imoral a atuação dos parlamentares. “Uma coisa é ser legal, outra coisa é ser moral (...) será que não tem nada mais importante para a Câmara estar preocupada? (...) Se eles (vereadores) acham que nas férias precisam receber esse dinheiro, sendo que não tem reunião?”, indagou Bertolini.
Juliano Mafra questionou a atuação do jornalista já que o profissional teria condicionado a participação dos vereadores em seu programa de rádio a um pagamento mensal por cada parlamentar. A declaração de Mafra foi confirmada pelos demais colegas vereadores, com exceção de Leon Almeida.
Na sequência, o presidente da Câmara, vereador Reginaldo Wanderson Catarino Azevedo – Nozinho do Caxambu (Cidadania), informou que, em fevereiro de 2020, o jornalista Ramon Bertolini teria exigido um pagamento mensal do Legislativo, mas a proposta não foi aceita. “Não fazemos nada de imoral e prezamos pela transparência aqui”, esclareceu Nozinho. “Imoral é usar uma rádio comunitária e fazer comércio nela”, complementou Juliano.
Mafra pediu que Legislativo solicite à rádio Piracicaba FM uma cópia de seu estatuto para análise.  “Fui convidado para participar de uma entrevista lá e depois disso ele (Ramon Bertolini) me cobrou. (...). Isso é uma vergonha pro nosso município”, criticou Juliano.
 
Indicações
Os vereadores também aprovaram seis indicações para apreciação do Executivo, são elas: 39/2022 – de autoria do vereador Eraldo Pedro da Silva – que solicita isenção de IPTU para os cidadãos aposentados e de baixa renda; 40/2022 – do vereador Anderson da Silva Tavares – que reivindica construção de uma escada de acesso aos platôs existentes no cemitério do Distrito de Conceição de Piracicaba e instalação de corrimão nas escadas existentes no local; 41/2022 – do vereador Leon Fátima de Almeida – que solicita asfaltamento na estrada vicinal de acesso ao Morro Agudo, no trecho entre o Clube Campestre até as proximidades do antigo lixão; 42 e 43/2022 – ambas do vereador Antônio de Pádua Guedes – que solicita, respectivamente, pavimentação da área interna do parque de exposições Antônio Maria Cota, no espaço em frente às barracas de alvenaria e calçamento de bloquetes nas ruas Rola Mendes e Capitão Tavares, no bairro Alto dos Tavares; 44/2022 – do parlamentar Juliano Mafra Gonçalves – que solicita rebaixamento do mata burro, nas proximidades da entrada da Chapada.

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus