Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

03/05/2016 08h18

São Gonçalo tem morte suspeita de H1N1

São Gonçalo tem morte suspeita de H1N1

Compartilhe

São Gonçalo do Rio Abaixo –Um homem morador de São Gonçalo do Rio Abaixo pode ter morrido em consequência da infecção pelo vírus H1N1 no dia 28 de abril. O caso vem sendo investigado pela Secretaria de Saúde do município. Em nota, a secretaria diz que ainda não há confirmação laboratorial do caso.

O paciente foi internado no dia 22 de abril no centro de saúde municipal, onde recebeu os primeiros atendimentos. Ele foi transferido para Belo Horizonte com quadro de insuficiência respiratória.

“As medidas de isolamento e cuidados necessários foram adotados de acordo com os protocolos assistências do Ministério da Saúde”, garante a nota.

A Secretaria de Saúde informa também que a campanha de vacinação da Influenza teve início no último sábado (30) nos postos de saúde do município para os grupos prioritários.

 

Prevenção

 

A recomendação do Ministério da Saúde é para se evitar locais com aglomeração de pessoas, pois isso reduz o risco de contrair a doença. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a principal forma de transmissão não é pelo ar, mas sim pelo contato com superfícies contaminadas. Por isso, o uso de máscaras pela população não é recomendado pelo Ministério da Saúde. Entretanto, quem está doente deve fazer uso de máscara, quando estiver em contato com outras pessoas, para não transmitir o vírus.

As medidas preventivas de caráter geral são: fazer frequente higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel a 71%, retirando-se os acessórios (anéis, pulseiras, relógio), uma vez que estes objetos acumulam microrganismos não removidos com a lavagem das mãos; abra a torneira e molhe as mãos, evitando encostar-se na pia; enxágue as mãos, retirando os resíduos de sabonete; evite contato direto das mãos ensaboadas com a torneira; seque mãos e punhos com papel-toalha descartável; no caso de torneiras com contato manual para fechamento, sempre utilize papel-toalha para fechá-la; use lenço descartável para higiene nasal; cobra nariz e boca ao espirrar ou tossir; evite tocar mucosas de olhos, nariz e boca; higienize (lavar) as mãos após tossir ou espirrar; evite aglomerações; não divida objetos de uso pessoal, como toalhas de banho, talheres e copos; evite tocar superfícies do tipo maçanetas, interruptores de luz, chave, caneta, torneira, entre outros; descarte luvas ou outros equipamentos de proteção individual contaminados ou tocados por mãos contaminadas; e não circule dentro de hospital usando os equipamentos de proteção individual, que devem ser imediatamente removidos e descartados após a saída do quarto, enfermaria ou área de isolamento.

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus